A Escola Judicial oferecerá cursos telepresenciais e videoaulas resultantes de convênio firmado com a Associação dos Advogados de São Paulo

A Escola Judicial firmou convênio com a AASP – Associação de Advogados de São Paulo – e transmitirá do seu auditório, em Nazaré, aulas telepresenciais que acontecem na sede daquela entidade. Estes cursos, em sua maioria, ocorrerão no horário das 19h às 21h, durante quatro dias seguidos, de modo que, antes da abertura das turmas, será feita uma enquete, para aferir o real interesse dos magistrados e servidores e garantir um quórum mínimo de participantes.

O cômputo das horas nos cursos telepresenciais será aferido mediante frequência. Além das aulas telepresenciais, que serão acompanhadas no auditório da Escola Judicial, com direito à participação via chat, o convênio dará direito também a 2 (duas) videoaulas mensais, gravadas, que ficarão disponíveis na página da Escola, na internet, durante 15 (quinze) dias cada uma, e poderão ser acessadas em qualquer cidade.

No caso das videoaulas, será necessário que os participantes formulem uma resenha ou artigo referente ao tema apresentado, com, no minimo, 20 (vinte) linhas, que será avaliado por um tutor, conforme Ato Regulamentar nº 001/2014 da Escola Judicial, cujo inteiro teor pode ser acessado em http://escolajudicial.trt5.jus.br/regulamentacao.

A primeira videoaula será disponibilizada na próxima semana, com o tema: Defeitos do Negócio Jurídico: Erro, dolo, coação e estado de perigo, ministrada pelo professor Dr. Flávio Tartuce e tutoria do magistrado George Almeida, que será responsável pela avaliação do participante.

Notícias sobre os cursos e videoaulas ofertadas serão divulgadas na página da Escola Judicial, na internet, no endereço http://escolajudicial.trt5.jus.br/.