Escola Judicial abordará em minicurso questões polêmicas sobre o direito de greve

A Escola Judicial do TRT5 (Ejud5) vai realizar no próximo dia 30 de outubro, às 8h30min, o minicurso Questões polêmicas sobre o direito de greve, como parte da formação continuada de assistentes e assessores.

A aula contará com a presença da Juíza do TRT5 Michele Bandeira. As vagas estão disponíveis para magistrados, servidores e estagiários do TRT5.

A carga horária do evento, de 4 (quatro) horas, será computada para efeito de adicional de qualificação. No tocante aos magistrados, assistentes e assessores, também como horas de formação continuada.

Para se inscrever, os interessados deverão enviar e-mail para o endereço eletrônico escola.inscricao@trt5.jus.br.

Veja abaixo a ementa do curso:

Direito de greve e uma breve retrospectiva histórica de seu reconhecimento. Requisitos de validade do movimento paredista e o abuso do exercício do direito de greve. Procedimento legal exigido da greve em serviços essenciais.  Greve no serviço público.  “Greve” política/paralisação geral e seus efeitos. Interdito proibitório na justiça do trabalho.

 

Serviço:

Minicurso: Questões polêmicas sobre o direito de greve.

Palestrante: Michele Bandeira, Juíza do TRT5.

Data/horário: 30 de outubro (terça-feira), das 08h30 às 12h30.

Local: auditório da Escola Judicial, em Nazaré

Modalidade/carga horária: presencial (4 horas).